Categoria "Pipoca"

Tudo que precisa saber sobre os novos live-actions da Disney: Parte I

Em 22.03.2017   Arquivado em Pipoca

Confesso que já não sei viver sem um live-action da Disney para chamar de meu, sério 

Para a minha imensa alegria, os estúdios de Hollywood estão investindo cada vez mais em criar versões humanas de clássicos que marcaram a nossa infância.

Sim, já existe uma fila com os próximos clássicos que terão uma versão live-action nos cinemas    

Pensando nisso, eu resolvi fazer uma lista com novidades sobre os próximos clássicos Disney que vão ganhar uma nova versão em breve. Are you ready?

 

O Rei Leão

Não faz muito tempo que comentei aqui algumas novidades sobre o filme, mas vale mencionar que ele deve ser o próximo live-action da Disney.

Reza a lenda que as filmagens começarão em maio, em Los Angeles. A nova versão do clássico tem data de estreia para 2018.

 

Mulan

Antes de mais nada, preciso reforçar que a nossa guerreira vai ganhar dois live-actions! Por enquanto, não achei novas informações além das já ditas aqui sobre a versão da Sony.

No fim da semana passada, a Disney contou algumas novidades sobre o live-action:

A direção ficará nas mãos de Niki Caro e a previsão de estreia também, socorro! Está marcada para novembro de 2018;

Agora vem a parte que ninguém esperava! A diretora disse que não haverá músicas no filme. Tipo, WHAT A HELL?

Sim, até onde eu sei não teremos músicas agora, para o horror dos meus filhos“, afirmou Niki.

Para a nossa alegria, Sean Bailey (presidente da Disney Motion Picture Production) promete que a história será mais empoderadora!

Mulan é, com certeza, uma história de empoderamento feminino, mas podemos adicionar algo novo, deixá-lo mais muscular, forte, com um toque de Ridley Scott. ”

 

Aladdin

O ano passado, a Disney anunciou que vamos ter uma versão live-action do casal mais amor das arábias.

O cineasta Guy Ritchie vai dirigir o filme e já está com a ideia de criar um musical superenergético. SOCORRO, JÁ QUERO!

“Minhas histórias são sobre malandros de rua. É isso que sei fazer. E o Aladdin é um clássico malandro que faz o bem”.

O roteiro ficará nas mãos de John August e ele pretende manter os elementos musicais da animação de 1992.

Outra coisa muito legal sobre o filme é que os estúdios estão em busca de atores que tenham ascendência árabe. PELA MOR, ERA O MÍNIMO, QUERIDOS!

No início do mês foi divulgado no Twitter um comunicado para as audições dos protagonistas, Jasmine e Aladdin.

De acordo com o site, Project Casting, a Disney queria atores entre 18 e 25 anos, que consigam cantar e tenham habilidades de dança.

Os ensaios começam em abril e as filmagens vão acontecer em julho de 2017 a janeiro de 2018, no Reino Unido. Sim, pode rolar Oriente Médio também!

Ufa, vou deixar você respirar um pouco depois de tanta informação do amor. Aliás, acho melhor você abastecer o seu estoque de arco-íris. E aí, o que achou? Conta para mim.

 

Já digno você saber que essa foi apenas a primeira parte e semana que vem tem mais 

 

Disney, Live-Action e Filmes. Tudo isso É Muito Supimpa Girl!

 

Lista do amor com filmes de fantasia para assistir na Netflix

Em 17.03.2017   Arquivado em Pipoca

É para se inspirar nesse clima de fantasia que tomou conta da gente

Acho que já deu para perceber o quanto o meu estoque de arco-íris está transbordando nessa semana, né non?

Eu acredito que a vida seria chata se não tivesse uma toque de fantasia dos filmes e livros para nos levar à lugares distantes, duelos de espadas, feitiços…

É, eu sei, que estou falando igual a Bela neste exato momento, mas é inevitável 

Então, eu resolvi fazer uma listinha do amor com alguns dos filmes desse gênero que são muito amor para você assistir hoje na Netflix.

 

Para Sempre Cinderela

A Princesa Prometida

Stardust – O Mistério da Estrela

Hook – A Volta do Capitão Gancho

Encantada

 

Eu recomendo que comece com “Para Sempre Cinderela”, porque é uma versão maravilhosa da nossa princesa Danielle com Drew Barrymore e Anjelica Huston.

Agora, se você quer aventura, só assista “Hook – A Volta do Capitão Gancho” com o nosso Peter Pan, vulgo Robin Williams.

Eu amo “Encantada”, pela mor! Algumas atrizes que dublaram as Princesas Disney aparecem no filme: Bela, Ariel, entre outras. E aí, o que achou da lista? Conta para mim.

 

Netflix, Fantasia e Filmes. Tudo isso É Muito Supimpa Girl!

 

Guia do amor para assistir ao live-action da Disney “A Bela e a Fera”

Em 16.03.2017   Arquivado em Pipoca

Finalmente, chegou o grande dia de assistir a nova versão de “A Bela e a Fera” nos cinemas 

É claro que o meu coração está batendo mais lento e mais rápido ao mesmo tempo só de imaginar que vou assistir novamente ao clássico que definiu a minha infância.

Sim, “A Bela e a Fera” é o meu filme favorito da Disney pelos seguintes motivos:

 

Ele foi a primeira animação dos estúdios Disney que eu assisti na vida lá em meados de 1994.

Também foi o primeiro desenho que assisti em VHS. Pela mor, isso é histórico!

É o único filme da Disney que me faz chorar na mesma cena desde que eu tinha 6 anos de idade.

A Bela é a minha princesa favorita, assim como o Adam é o meu príncipe favorito. Ou seja, ambos são insubstituíveis para mim.

Eu sempre choro quando escuto a versão de “Tale As Old As Time” de Céline Dion e Pablo Bryson.

Não é exagero nenhum dizer que minha “maior” coleção de mimos Disney é desse filme: chinelo, quebra-cabeça, Funko Pop, camafeu, almofada

 

Bom, agora que você já sabe um pouco mais sobre como surgiu o meu amor por ele, vamos ao guia do amor.

Eu separei três posts que fiz ao longo dessa espera interminável que merecem ser lidos novamente, porque provocaram gritos intensos.

1°: Saiu o primeiro cartaz do live-action “A Bela e a Fera”

2°: Segura o grito, pois saiu a imagem da Emma Watson como Bela!

3°: Saiu a imagem de Dan Stevens como príncipe Adam de “A Bela e a Fera”

 

Também separei algumas críticas que li ontem com spoiler free que me deixaram ainda mais ansiosa.

A primeira coisa que amei saber foi sobre a versão feminista maravilhosa que a atriz Emma Watson depositou na princesa Bela.

Não, a Bela não sofre de Síndrome de Estocolmo. Aliás, a atriz só aceitou o papel após ter certeza disso.

“Bela argumenta e discorda constantemente da Fera, mantendo sua independência e liberdade de pensamento”, declarou 

Amo polêmicas saudáveis e bem-sucedidas e quando saiu a notícia que haveria a primeira cena gay em um filme da Disney fiquei no chão com o lacre.

“LeFou é alguém que um dia quer ser Gaston e no outro dia quer beijar Gaston”, contou Josh Gad 

A lacradora do meu coração, Céline Dion canta uma música inédita chamada “How Does A Moment Last Forever”.

Acho digno você ouvir a playlist com todas as canções que fazem parte da trilha sonora do filme que está disponível no Spotify.

 

Por fim, vai arrancar lágrimas nada tímidas do meu ser novamente. A nova versão promete ser tão emocionante quanto a animação. E aí, qual é o seu nível de ansiedade? Conta para mim.

 

Disney, A Bela e a Fera e live-action. Tudo isso É Muito Supimpa Girl!

 

A notícia do amor é que a Netflix está em negociação para novos episódios de “Gilmore Girls”

Em 07.03.2017   Arquivado em Pipoca

Eu até voltei para a minha 6° temporada de Gilmore Girls lá na Netflix depois disso 

No início desse ano eu comentei sobre a declaração da atriz Alexis Bledel e também sobre a investigação do site Movie Pilot aqui.

Só que agora a esperança de uma nova temporada da série é ainda maior, socorro! 

Em entrevista à Press Association, o Chefe de Conteúdo da Netflix, Ted Sarandos afirmou que eles estão conversando com os criadores de “Gilmore Girls” sobre novos episódios da série.

Apenas tome um gole de café e leia a declaração que me deu vontade de abraça-lo.

 “A pior coisa do mundo é esperar alguns anos pelo comeback da sua série favorita e se decepcionar. Mas eles entregaram muito bem e as pessoas estão muito animadas querendo mais. Estamos discutindo essa possibilidade.  Ted Sarando    

Mas precisamos ser realistas, porque a Amy Sherman- Palladino é muito louca das ideias imprevisível, então…

Vale a pena dizer que quando eu terminei de assistir a nova temporada senti a necessidade de ler um “Continua” no fim do último episódio.

Aliás, eu e o mundo todo, pela mor! Aquele final foi incerto e com algumas brechas. Já estou ouvindo a playlist do blog de Gilmore Girls para o destino conspirar ao nosso favor. E aí, o que achou da notícia? Conta para mim.

 

Gilmore Girls, Netflix e Séries. Tudo isso É Muito Supimpa Girl!

 

Projeto “12 Filmes em 1 Ano”: 2# As Patricinhas de Beverly Hills

Em 01.03.2017   Arquivado em Pipoca

As Patricinhas de Beverly Hills é o tipo de filme referência para a minha vida, sério 

Já aviso que esse mês de março vai ter dois posts do meu projeto “12 Filmes em um Ano”, porque em fevereiro fiquei devendo.

“Não sou puritana, só altamente seletiva. Você vê como eu sou exigente com os meus sapatos e eles só vão nos meus pés…”  Cher Horowitz  

Alicia Silverstone é uma das principais musas adolescentes dos anos 90 que inspiram até hoje o meu guarda-roupa.

A primeira vez que assisti  foi graças a “Sessão da Tarde”. Vale lembrar que foi meu principal guia de descoberta de filmes na infância 

As Patricinha de Beverly Hills aborda as futilidades de adolescentes bem-sucedidos que vivem em um mundo superficial.

Aliás, isso faz parte de uma das lições mais importantes que o filme trouxe para mim: ser um jovem alienado não é sinônimo de ser cool.

Cher Horowitz descobre durante o filme que não basta ser linda e popular se as pessoas não te levam a sério.

É claro que teve uma outra lição muito importante que veio através do personagem Travis que vale a pena ser mencionada aqui.

“Os drogados […] às vezes vão para a aula, dizem coisas idiotas e todo mundo ri, mas nenhuma garota de respeito sai com eles. ”  

Travis resolve tratar do vício dele nas drogas e começa a se dedicar mais aos esportes. No caso, o skate.

Confesso que foi a primeira vez que vi algo sobre drogas na televisão quando criança que fizesse chamar a minha atenção e perceber que não era uma coisa legal  

A trilha sonora me inspira, porque músicas como “Supermodel” e “Kids in America” fazem críticas ao mundo superficial e ao egocentrismo.

Mas a lição essencial que pude tirar desse filme é que não se pode viver de aparências, você precisa ser real.

As if!

Projeto, As Patricinhas de Beverly Hills e Anos 90. Tudo isso É Muito Supimpa Girl!

*Não autorizo outras blogueiras realizarem esse projeto.  Pela mor, vamos respeitar a blogosfera  

 
Página 1 de 2812345... 28Próximo